domingo, 25 de setembro de 2011

"Qualquer história, por mais simples que seja, tem infinitas versões, escolha a que mais te faz feliz."

Tempo de delicadeza
De poucas palavras
De sentimentos
Expressos em versos tão sentidos ...

Que se mantém através da imaginação que voa!
Da fantasia que brota
Da lembrança que basta para eternizar o elo...


"Que mágica é esta, que faz os distantes,
Tão próximos sem talvez, se verem jamais,
São as palavras sentidas, nos versos, nas vidas,
Nas vias, nas veias, nos mares e cais.
"

Vem fugir comigo pro passado...

Correr por caminhos que não passamos,
Mil cantos que não partilhamos
Olhar nos olhos,
profundo,
Tem espaço pra você no meu mundo
Te convido...

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

É isso...


É preciso enfrentar os problemas, "de frente" "peito aberto" perceber soluções sobre novas perspectivas; porque os nossos medos, duvidas e preconceitos, nos acompanham...
Há um vasto mundo "lá fora" , conhecê-lo; pode mudar o meu jeito de ver e sentir as coisas e enxergar a vida...

"Os nossos conflitos não conhecem as divisas da geografia e, se não encarados de frente e resolvidos, eles permanecerão conosco onde quer que estejamos na terra"



terça-feira, 20 de setembro de 2011

“Sou um móbile solto no furacão. Qualquer calmaria me dá… solidão.”

Escrever organiza o meu pensamento,
abranda o meu coração
Aperta o botão "STOP"nesse meu jeito agitado...

Tenho a sensação de quando me lê
rí desse jeito meu simples e espontãneo...
Um dia ainda vou aprender a escrever
por enquanto eu só rabisco...
Nesses rabiscos
sinto que já disse tudo
E tudo é tão pouco, tão repetitivo...
Talvez resta-me não mais dizer nada;
Sentir apenas...
Apenas?


"...Carrego dentro de mim dois corações

Um é um tufão... o outro é calmaria
Um encara a realidade
o outro vive de poesia..."
(Regina Xavier)

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

"A fé é o complemento aperfeiçoado da razão." (Manuel García Morente)

(Foto do Edmarcio, ED) GV

FÉ!
... CERTEZA DE COISAS QUE SE ESPERAM, CONVICÇAÕ DE FATOS QUE SE NÃO VEEM. (Hebreus 11 -1)
"Assumir a narrativa da própria vida é para quem tem coragem. Não é complicado porque você vai ter competidores com habilidades iguais ou superiores a sua, mas porque se tornar aquilo que se é, buscar a própria voz, é escolher um percurso pontilhado de desvios e sem nenhuma certeza de chegada. É viver com dúvidas e ter de responder pelas próprias escolhas. Mas é nesse movimento que a gente vira gente grande." (Eliane Brum)

domingo, 18 de setembro de 2011

"Você ganha força, coragem e confiança através de cada experiência em que você realmente para e encara o medo de frente".

A Felicidade nos mantêm doces;
Dores nos mantêm humanos;
Quedas nos mantêm humildes;
Provações nos mantêm forteS...
Bom dia pra você;
Doce, humano,humilde, Forte!



Eu sei...

O ontem ficou na estrada do tempo...
Tempo de descobertas, encontros e despedidas...
O mais bonito disso é que nesse caminho ficaram as flores...
O perfume, a beleza, até os espinhos...
E ainda hoje balança a" árvore" da nossa vida.
O galho?
Não se desprendeu , ainda se alimenta de sua raiz..
A raiz?
Alimenta-se das folhas
Que nem mesmo o vento forte conseguiu arrastá-la ...
Os frutos?
São doces...
O ontem?
Consciente!
Não descansará à sua sombra...

sábado, 17 de setembro de 2011

"Eu sou mansa, mas minha função de viver é feroz!"

Floresce em mim um sentimento novo
Compreender que a distancia entre o que aceito e desejo ser
é a distancia que permitio.
Que não me falte
coragem de assumir o que vem
pra poder ser o que ainda não sou...
Tenho paixão pela vida...
Uma sensação de mansidão, o que me permite
compreender que a vida requer paciencia ...
As vezes sou fera; brota dentro de mim uma irriquieta
sensação de que a paz também se faz na coragem de fazer a guerra...

O tempo é a minha matéria: o tempo presente, os homens presentes, a vida presente". você presente...



A VIDA PRESENTE

Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida.
Olho meus companheiros, nutrem esperanças.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Vamos de mãos dadas.

Não serei cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer,
não fugirei para as ilhas,
nem serei raptado por serafins.
O tempo é a minha matéria: o tempo presente,
os homens presentes, a vida presente.

(Carlos Drummond de Andrade)

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Adeus a estrela...

Havia algo de mágico naquela estrela,
Ora me prendia ao céu,
Ora me mostrava o chão...
Ela se apagou de vez.
Foi-se o brilho...
Agora o decreto o silencio ,
que guarda-me e aconselha-me.
Um confidente que me diz: aprenda a viver contigo...

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

domingo, 11 de setembro de 2011

"Os sonhos não envelhecem..."

Vou voar!
Tenho coragem e um par de asas...


"O sonho encheu a noite
Extravasou pro meu dia
Encheu minha vida
E é dele que eu vou viver
Porque sonho não morre."
Adélia Prado

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

"...Vem, vamos embora Que esperar não é saber Quem sabe faz a hora Não espera acontecer"

(Foto: http://iemai.com.br/blog/2009/02/11/pra-nao-dizer-que-nao-falei-das-flores/)

A libertação começa na consciência de cada um e no resgate da nossa dignidade e do outro .
Este é o nosso compromisso:
Continuar o caminho e olhar para as coisas de maneira diferente...
Cada passo nosso pode ser pequenino mas se não o dermos o caminho será interrompido...
Hoje, dia da independência. Não quero ouvir um grande dicurso;
quero apenas pensar que a mudança começa em mim,
"no meu quadrado"
Aqui do meu "ladim"
Na minha família...
Na minha rua...
No meu bairro...
No meu trabalho
"A conquista da liberdade é algo que faz tanta poeira, que por medo da bagunça, preferimos, normalmente, optar pela arrumação."
( Carlos Drummond de Andrade )
Que não tenhamos medo da bagunça...

domingo, 4 de setembro de 2011

Há de ventar

Se tem vento lá fora,
deixa entrar.
Não se esconda,
debaixo da cama também há de ventar.
Abra os olhos, movimento involuntário.
Só os faça abrir e encarar de uma vez,
há de ventar.

Abra os olhos, reconheça,
há de ventar.
Abra os olhos, reconheça,
vento bom há de ventar


Sou como a lua. Tenho fases...


A lua tem fases. Percebo.
Sou como a "LUA".

As vzs sou Minguante, Crescente, Cheia, Nova ...
Lembro-me de uma amiga que dizia:
Aproveite cada uma delas Ré...
Estamos na crescente...
Sinto-me "minguante"
"Um bom regime se começa na minguante, uma boa faxina,
momento para nos livrarmos de tudo que a gente não precisa"
Descubro: Preciso de "qualidade de vida"
Quem sabe um regime...
Uma faxina, "vasculhar minhas gavetas"
Eliminar aspectos negativos, preservar os positivos.
Perceber as forças que norteiam a minha vida...
Compreender a importância de me "ouvir"
reunir forças,definir planos,traçar metas
Ousar, acreditar e acelerar a ação...
Um SER CRESCENTE!