quarta-feira, 9 de março de 2011

Uma mulher...


Sou mulher...
Sou como uma rosa
Minhas pétalas se abrem ao toque de suas mãos
demasiadas finas
e congelam com o frio do seu intermitente silêncio...
Postar um comentário