quinta-feira, 17 de março de 2011

POESIA PREFERIDA II


Um pássaro
no chão...
Vulnerável, exposto...
Um gato?
Em seu instinto de sobrevivência,
o devora...
Um ser humano em seu descuido
o pisoteia...
Um homem em sua "maldade grassa",
chuta, mata...
Momento de impulsionar asas...
Alçar vôo,
voar...voar...voar...
Postar um comentário