sábado, 8 de janeiro de 2011

Te apresento o meu coração...


Ah, esse coração!
De vez em quando, sobe a boca,
salta pra fora...
Se você podesse ouví-lo
como ouço o teu, saberia...
AH SIM! Saberia...
Ele não te julga,
entende os teus olhos atentos e inquietos,
O teu sorriso tímido, irônico, entre os lábios,
Até mesmo o teu silencio...

Eu sei,

"Há sempre paz no teu silêncio"...

...mas há um encanto maior na tuas palavras...
Postar um comentário